Notícias

Ver notícia

O acesso ao serviço de esgotamento sanitário contribui para a melhoria dos indicadores de saúde, promoção da qualidade de vida, valorização imobiliária, turismo, desempenho educacional, além de geração de emprego e renda. O avanço na cobertura de coleta e tratamento do esgoto da capital para 59% até o final do próximo ano é uma das principais metas da Águas de Teresina, que já universalizou o abastecimento de água em toda a zona urbana em 2020 e reduziu o índice de perdas de água para 36% desde 2017.

Desde maio, a concessionária realiza obras de saneamento por toda a cidade, incluindo a implantação de rede coletora de esgoto, a ativação de ligações de esgoto, a construção de estações elevatórias de esgoto e a ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto – ETE Pirajá. Ao todo, serão investidos R$ 300 milhões até o final de 2024. O pacote de obras inclui ainda a implantação de linha de recalque e a construção de um interceptor de esgoto na avenida Maranhão.

Atualmente, os canteiros de obras da Águas de Teresina estão no Centro, Piçarra, Real Copagre, Nova Brasília, Poti Velho, Macaúba e Cidade Industrial. A expectativa pelo uso dos serviços de coleta e tratamento do esgoto está bastante elevada entre os moradores, como a dona Soraia Amazonas, do bairro Macaúba.

“É uma grande conquista para nós moradores, pois essa melhoria influencia principalmente na saúde por eliminar esses mosquitos que ficam nessa água parada do esgoto. Tive sérios problemas com meu esposo que pegou Chikungunya. Além disso, vai eliminar as fossas, que sempre enchem, principalmente no período de chuva. É uma espera que agora traz tranquilidade, conforto e certeza de mais qualidade de vida”, destaca dona Soraia.

Canteiros de obras

  • Piçarra – Avenidas Odilon Araújo e José dos Santos e Silva, além das ruas: José do Patrocínio, Mestre Estevão e Honório de Paiva
  • Centro – Avenida Miguel Rosa e rua Clodoaldo Freitas
  • Poti Velho – Ruas Sapucaia, Mário Augusto de Freitas, Castelo do Piauí, Amarante e Altos, além da Alameda Domingos Jorge Velho.
  • Alameda Domingos Jorge Velho Nova Brasília – Início da construção de uma Estação Elevatória de Esgoto (EEE) nas ruas Técnico Joaquim Soares, José Santana e Djalma Tavares.
  • Real Copagre – Ruas Motorista Mondoco, Babaçu, Rua 2 (Residencial Socorro Monte) e da Palma.
  • Nova Brasília – Ruas Técnico Joaquim Soares, José Santana e Santa Helena.
  • Macaúba – Ruas Sete de Setembro, Murilo Braga, Eurípedes Aguiar, Climério Bento Gonçalves, Arlindo Nogueira e Dr. Area Leão.
  • Pirajá (Estação de Tratamento de Esgoto) – ampliação da Estação Elevatória de Esgoto e serviço estrutural do Tratamento Preliminar.

Visitas socioambientais

  • Centro/Norte, Piçarra, Vermelha, Macaúba, Monte Castelo, Nossa Senhora das Graças, Mafuá, Marques, Real Copagre, Poti Velho, Alto Alegre, São Joaquim, Cidade Industrial e Itararé.

Reuniões com a comunidade

  • Real Copagre, Alto Alegre e Cidade Industrial.

Compartilhar:

Veja Também

Compliance Saiba mais
Compliance

O Programa de Compliance da Águas de Teresina promove uma cultura de integridade com base nos valores da Aegea.

Água Saiba mais
Água

Antes de chegar às torneiras, a água percorre um longo caminho pelo sistema de abastecimento da Águas de Teresina.

Quem Somos Saiba mais
Quem Somos

A Águas de Teresina é responsável pelos serviços de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto de Teresina.

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Águas de Teresina trabalha 24h por dia para ampliar e melhorar o saneamento da cidade.