Notícias

Ver notícia

Os recursos tecnológicos estão cada vez mais presentes no dia a dia das pessoas. Nos setores da educação, medicina, vendas, entretenimento e saneamento básico há exemplos tangíveis da escala de serviços mediados pela tecnologia. Nas companhias de saneamento, o uso desses recursos tem a finalidade de otimizar os processos e garantir eficiência na prestação dos serviços de fornecimento de água e tratamento de esgoto.

A Águas de Teresina, que atua na cidade desde 2017, também tem apostado em novas tecnologias. A concessionária já universalizou o abastecimento de água na área urbana regular da cidade e utiliza processos de automação e telemetria que possibilitam, entre outras ações, uma leitura inteligente de dados em curto período de tempo, permitindo uma redução nos custos, além do maior controle e performance operacional. “O resultado é a melhoria no rendimento da operação com atuações mais rápidas e seguras, bem como a garantia do abastecimento de água constante”, reforça o gerente de Operações da concessionária, Murilo Formiga.

Outra tecnologia utilizada pela empresa é o monitoramento da rede de esgoto por meio de um equipamento conhecido como SeeSnake. O recurso tecnológico garante o bom funcionamento da rede coletora de esgoto na capital. Por meio de filmagens internas nas tubulações é possível realizar as manutenções preventivas e corretivas, de forma a evitar irregularidades que possam surgir no sistema. Além disso, o aparelho emite diagnósticos precisos, informando a localização exata do trecho danificado na rede de esgoto, evitando assim escavar grandes trechos da via.

“Com o SeeSnake é possível detectar, por exemplo, obstruções, fissuras, rupturas, raízes crescidas, deformidades, infiltrações e ligações clandestinas que prejudicam a utilização correta da rede de esgoto. Além disso, auxilia ainda na identificação de redes não cadastradas e de poços de visitas encobertos, apontando a localização de forma precisa. O equipamento também permite indicar os tipos de serviço que trarão a resolução dos problemas nas tubulações implantadas e em operação”, destaca o coordenador de Serviços da Águas de Teresina, Rafael Spanhol.

Dicionário do saneamento

Para que serve a telemetria
– Monitorar, à distância, o funcionamento dos equipamentos e o nível de reservatório e pressão na rede.
– Monitorar problemas elétricos ou mecânicos dos equipamentos em tempo real.

Ganhos da automação
– É possível ligar e desligar de forma automática os equipamentos, sem necessidade de atuação física.
– Aumenta e/ou reduz pressão, caso necessário, conforme demanda ou níveis de reservatórios

SeeSnake
– Possui uma câmera acoplada a uma haste semirrígida que, conectada a um módulo de controle, com monitor LCD, registra em vídeo ou fotos a parte interna das tubulações.
– Permite visualizar, em tempo real, qualquer anormalidade por dentro das redes.
– A iluminação em LED do equipamento clareia o interior das tubulações e um hodômetro integrado permite calcular as distâncias percorridas.

Compartilhar:

Veja Também

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

Aplicativo PicPay é mais um recurso para clientes pagarem a conta de água Saiba mais
Aplicativo PicPay é mais um recurso para clientes pagarem a conta de água

Pelo app, os pagamentos à vista podem receber cashback de 40% do valor da fatura no primeiro pagamento Visando oferecer mais praticidade ...

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Águas de Teresina trabalha 24h por dia para ampliar e melhorar o saneamento da cidade.

Contato Saiba mais
Contato

A Águas de Teresina oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.