Notícias

Ver notícia

A meta é atingir 59% cobertura de coleta e tratamento do esgoto até o final de 2024

A Águas de Teresina avança com as obras de esgotamento sanitário na capital com o objetivo de elevar o índice de cobertura de coleta e tratamento do esgoto para 59% da zona urbana da capital. O objetivo é proporcionar mais saúde, bem-estar e qualidade de vida para os moradores. Ao todo, serão investidos R$ 300 milhões para a implantação de rede coletora de esgoto, construção de estações elevatórias, interceptor, linha de recalque e ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto – ETE Pirajá.

“Atualmente, temos equipes com frentes de trabalho em 7 bairros da cidade, fortalecendo a meta de universalização dos serviços de esgoto estipulada pelo Marco Legal do Saneamento. Os investimentos visam retirar os esgotos a céu aberto e, ao final das obras, beneficiar cerca de 480 mil pessoas. Para isso é importante que a população faça a sua parte e realize a conexão do seu imóvel à rede, a cada fechamento de canteiro”, explica o diretor executivo da Águas de Teresina, Renee Chaveiro.

Além dos canteiros de obra, concentrados nos bairros Poti, Itaperu, Nova Brasília, Pirajá, Centro, Vermelha e Macaúba, a concessionária Águas de Teresina realiza um trabalho porta a porta, com agentes socioambientais que visitam os moradores para explicar os benefícios do saneamento básico e os custos inerentes à adesão ao esgoto. “Esse trabalho feito por agentes socioambientais é feito diariamente, para que os moradores compreendam que o saneamento básico é feito em parceria e que, ao final, todos ganham com os investimentos”, reforça Renee Chaveiro.

Acompanhe o cronograma de obras e atividades na cidade de 04/09 a 08/09

Canteiros de obras

  • Poti Velho – implantação da rede coletora na rua Alameda Domingos Jorge Melo e avenida Desembargador Vaz Costa.
  • Nova Brasília – Início da construção de uma Estação Elevatória de Esgoto (EEE) na rua Técnico Joaquim Soares e ligações de esgoto na rua José Santana
  • Itaperu – implantação da rede coletora nas ruas Dourados e Raimundo Soares Cordeiro.
  • Centro – implantação da rede coletora na Avenida Miguel Rosa e nas ruas Arlindo Nogueira e Quintino Bocaiúva.
  • Vermelha – implantação da rede coletora de esgoto nas ruas Astrolábio Passos, Manoel da Paz, João Cabral, Riachuelo, Firmino Pires, Zeferino Vieira, João Virgílio, Barroso, Pires Rebelo e João Bastos.
  • Macaúba – implantação da rede coletora de esgoto nas ruas Gabriel Ferreira, Sete de Setembro e Vinte e Um de Abril
  • Pirajá (Estação de Tratamento de Esgoto) – ampliação da Estação Elevatória de Esgoto e serviço estrutural do Tratamento Preliminar.

Visitas socioambientais
Centro, Vermelha, Macaúba, Itaperu, Aeroporto, Poti Velho, Mocambinho, Nova Brasília, Acarape e Piçarra.

Reuniões com a comunidade
Piçarra, Macaúba e Poti Velho.

Compartilhar:

Veja Também

Contato Saiba mais
Contato

A Águas de Teresina oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Revista Aegea Saiba mais
Revista Aegea

Faça o download da Revista Aegea e fique por dentro das novidades que acontecem na empresa.

Relatório da Água 2024 garante ao consumidor o direito à informação sobre a água distribuída na cidade Saiba mais
Relatório da Água 2024 garante ao consumidor o direito à informação sobre a água distribuída na cidade

Para celebrar o Dia do Consumidor, a Águas de Teresina realiza a divulgação do Relatório Anual de Qualidade da Água 2024. O documento ate...

Água Saiba mais
Água

Antes de chegar às torneiras, a água percorre um longo caminho pelo sistema de abastecimento da Águas de Teresina.